Assembleia da República

Ver vídeo

PCP questiona Ministro do Ambiente sobre situação dos transportes públicos

A pedido do PCP, o Ministro do Ambiente foi ouvido na Assembleia da República sobre a situação nas empresas públicas de transportes, a sua degradação, fruto do número de trabalhadores abaixo das necessidades mínimas operacionais, do congelamento dos investimentos inadiáveis e da imposição de limitações ao funcionamento das empresas públicas.

Ver vídeo

"A fixação dos portugueses nos territórios, está dependente da justa distribuição da riqueza produzida"

No debate em torno das questões da coesão territorial, o despovoamento, o envelhecimento e a depressão económica de muitos territórios no interior do país, João Ramos afirmou que "um país com equilíbrio territorial e coesão económica e social das regiões exige uma política de desenvolvimento regional que combata as assimetrias regionais, o despovoamento e a desertificação, com políticas integradas e dinamizadas regionalmente por poder regional decorrente da regionalização, autarquias locais com capacidade financeira reforçada, Orçamentos do Estado apoiados nos fundos comunitários com forte descriminação positiva dos territórios com perdas significativas de população".

Ver vídeo

Sobre o Relatório da Comissão de Inquérito ao processo de venda e resolução do BANIF

Intervenção de Miguel Tiago no plenário da Assembleia da República, na apreciação final do Relatório da Comissão de Inquérito ao processo de venda e resolução do BANIF.

Ver vídeo

PCP propõe medidas para o combate à precariedade laboral

O PCP apresentou um Projecto de Lei que propõe o combate a precariedade, impedindo o recurso a medidas públicas activas de emprego, para responder a necessidades permanentes dos serviços públicos, empresas e outras entidades. Rita Rato afirmou na sua intervenção que "os últimos dados disponíveis, referentes ao ano de 2015, apontam para a existência de cerca de 68.000 contratos de Emprego-Inserção e mais de 73.000 estágios profissionais e é por isso mesmo que apresentamos estas soluções".

Ver vídeo

PCP propõe melhorias no acesso ao abastecimento de água, saneamento e resíduos

O PCP apresentou um projecto de resolução que propõe a melhoria do acesso dos cidadãos aos serviços públicos de abastecimento de água, saneamento e resíduos. Paula Santos na sua intervenção afirmou que "a água é um direito de todos, e sendo um direito e bem essencial à vida, deve o seu acesso ser garantido a todos os cidadãos".

Ver vídeo

"O CDS foi responsável pela degradação dos serviços públicos"

No debate em torno dos serviços públicos, Paula Santos afirmou que "não podemos levar a sério aquilo que o CDS disse, porque o CDS foi responsável pela degradação dos serviços públicos e o seu agravamento na prestação aos portugueses."

Jornadas Parlamentares do PCP no distrito do Porto

Jornadas Parlamentares do PCP no distrito do Porto

O PCP realiza estas Jornadas Parlamentares no distrito do Porto, cujo programa incluiu um vasto conjunto de contactos, visitas e reuniões de trabalho com organizações representativas dos trabalhadores, associações empresariais, autarquias, unidades de saúde e de acção social, estabelecimentos de ensino e unidades de investigação, instituições culturais e comissões de utentes de serviços públicos, designadamente na área dos transportes urbanos.

Ver vídeo

Direito à Vida Independente das pessoas com deficiência

No debate em torno das questões das pessoas com deficiência, Diana Ferreira afirmou que "o PCP já interveio sobre esta mesma matéria, tendo sido o primeiro partido a fazê-lo nesta casa, com uma iniciativa legislativa (infelizmente rejeitada pela maioria PSD/CDS) para a criação de um programa piloto para um regime de apoio à vida independente. Importa continuar a garantir, todos os dias, os apoios à vida independente das pessoas com deficiência, mesmo depois dos projectos piloto."

Ver vídeo

"O Estado deve garantir o acesso à educação independentemente das condições económicas e sociais de cada um"

No debate em torno das políticas educativas, Ana Mesquita afirmou na sua intervenção que "o PCP defende como prioridade inequívoca o investimento público, com o reforço das condições materiais e humanas das escolas públicas, com o alargamento da rede pública de escolas, cumprindo a Constituição da República Portuguesa e a Lei de Bases do Sistema Educativo, por isso o Estado deve garantir o acesso à educação e o instrumento para o fazer é a Escola Pública universal, de qualidade e gratuita, independentemente das condições económicas e sociais de cada um."

O presente e o futuro do Grupo TAP: preocupações, alertas e medidas urgentes a tomar

O presente e o futuro do Grupo TAP: preocupações, alertas e medidas urgentes a tomar

O PCP realizou hoje uma Audição Pública sobre o presente e o futuro do Grupo TAP, que reuniu um conjunto valioso de intervenções, com destaque para os contributos de diversas Organizações Representativa dos Trabalhadores do Grupo. Na sequência do processo ilegalmente concretizado pelo Governo PSD/CDS, a TAP continua sob gestão privada e essa gestão privada, para cujos perigos o PCP alertou sucessivamente, tem vindo a impor um conjunto vasto de opções que ameaçam o presente e o futuro da TAP e do conjunto das empresas do Grupo TAP. Opções que ameaçam o futuro de mais de 10 mil postos de trabalho, que ameaçam aquele que ainda é o maior exportador nacional, que ameaçam a sobrevivência de um instrumento estratégico da nossa economia. O PCP comprometeu-se a intensificar a exigência de uma acção do Governo para travar o processo em curso, e sublinhou a importância de uma reversão plena do ilegal processo de privatização.