Internacional

PCP condena o «reconhecimento» pelo Governo português do auto-proclamado «presidente interino» da Venezuela  nomeado pela Administração Trump

PCP condena o «reconhecimento» pelo Governo português do auto-proclamado «presidente interino» da Venezuela nomeado pela Administração Trump

O PCP condena o «reconhecimento» e apoio anunciado pelo Governo do PS, com o apoio do PSD e CDS, ao «presidente» fantoche nomeado pela Administração Trump para a Venezuela, que contou com o apoio imediato de Bolsonaro, numa intolerável afronta à soberania e independência da República Bolivariana da Venezuela, ao povo venezuelano, à Carta das Nações Unidas e ao Direito Internacional.

Fim à ingerência e agressão contra a Venezuela! Solidariedade com a Revolução bolivariana e o povo venezuelano!

Fim à ingerência e agressão contra a Venezuela! Solidariedade com a Revolução bolivariana e o povo venezuelano!

Condenamos firmemente a escalada de ingerência e chantagem da União Europeia contra a República Bolivariana da Venezuela, alinhada e concertada com a operação golpista de «auto-proclamação» de um presidente fantoche, orquestrada e comandada pela Administração Trump que, em arrogante violação do Direito Internacional, procura derrubar o legítimo Presidente, Nicolás Maduro, eleito pelo voto popular, e subverter a ordem constitucional venezuelana

PCP condena a nova operação golpista contra a Venezuela

PCP condena a nova operação golpista contra a Venezuela

O PCP condena com veemência a nova operação golpista orquestrada e comandada pelos EUA contra a Venezuela e o povo venezuelano que, através da insólita «auto-proclamação» de um presidente fantoche, dito «presidente interino» – promovido por Trump e logo apoiado por Bolsonaro e outros – afrontando a ordem constitucional deste País, procura colocar em causa o legítimo Presidente da República Bolivariana da Venezuela, Nicolás Maduro, eleito pelo voto popular.

Pela libertação de Ahmad Sa’adat e demais presos políticos palestinianos das prisões israelitas

Pela libertação de Ahmad Sa’adat e demais presos políticos palestinianos das prisões israelitas

O Partido Comunista Português expressa a sua solidariedade a Ahmad Sa’adat, Secretário-geral da Frente Popular para a Libertação da Palestina (FPLP), encarcerado em Israel, e associa-se à «Semana Internacional – Liberdade para Ahmad Sa’adat» promovida por organizações de defesa dos presos políticos palestinianos nas prisões israelitas.

PCP solidário com o Partido Comunista Sudanês

PCP solidário com o Partido Comunista Sudanês

O PCP «denuncia e condena firmemente» a detenção pelas autoridades sudanesas de vários membros do Partido Comunista Sudanês (PCS), nomeadamente do seu Comité Central, incluindo de Ali Said e de Fathi Alfadl, membros do Bureau Político do PCS, assim como o cerco por forças militares e policiais à sede do PCS.

As centenas de detenções de activistas verificadas inserem-se na vaga repressiva com que o governo sudanês procura sufocar a onda de manifestações populares que, desde Dezembro passado, se têm realizado contra o aumento do preço de bens essenciais e outras políticas anti-sociais.

Apelo comum para as eleições para o Parlamento Europeu «Por uma Europa dos trabalhadores e dos povos»

Apelo comum para as eleições para o Parlamento Europeu «Por uma Europa dos trabalhadores e dos povos»

O Partido Comunista Português e outros partidos comunistas, progressistas e de esquerda lançam Apelo comum para as eleições para o Parlamento Europeu sob o lema «Por uma Europa dos trabalhadores e dos povos».

Pelo respeito da soberania da Venezuela! Fim à desestabilização e às ameaças!

Pelo respeito da soberania da Venezuela! Fim à desestabilização e às ameaças!

O PCP critica a decisão do Governo português de não se fazer representar na tomada de posse do Presidente da República Bolivariana da Venezuela e considera que esta atitude de claudicação nacional perante a União Europeia, que se insere na escalada de desestabilização e agressão contra a Venezuela, é contrária à defesa dos interesses de Portugal, do povo português e da comunidade portuguesa na Venezuela.

PCP saúda Revolução cubana por ocasião do seu 60.º aniversário

PCP saúda Revolução cubana por ocasião do seu 60.º aniversário

Por ocasião do 60.º aniversário da Revolução cubana, Jerónimo de Sousa, Secretário-Geral do PCP, enviou mensagens a Raul Castro, Primeiro Secretário do Partido Comunista de Cuba, e a Miguel Diaz-Canel, Presidente do Conselho de Estado e de Ministros da República de Cuba.

Igualmente, o Partido Comunista Português enviou a uma saudação ao Partido Comunista de Cuba.

Saudação a Miguel Diaz-Canel, Presidente do Conselho de Estado e de Ministros da República de Cuba por ocasião do 60.º aniversário da Revolução cubana

Por ocasião da comemoração dos 60 anos da Revolução cubana, envio-lhe, e por seu intermédio ao povo cubano, as fraternas e calorosas felicitações do Partido Comunista Português.

Ao fazê-lo estamos certos que interpretamos o sentimento de todos aqueles que em Portugal se batem pela liberdade, a justiça social e a soberania e independência nacional, valores que guiaram os heróicos combatentes da Sierra Maestra e que persistem na acção e luta do povo cubano e na Revolução socialista de que são obreiros.

Saudação a Raul Castro, Primeiro Secretário do Partido Comunista de Cuba por ocasião do 60.º aniversário da Revolução cubana

Por ocasião da comemoração dos 60 anos da Revolução cubana, envio-lhe, em nome do Partido Comunista Português, e por seu intermédio a todos os militantes do Partido Comunista de Cuba e ao povo cubano, as nossas fraternas e calorosas felicitações.