Ambiente

Preparando as florestas para as alterações climáticas

Num tema necessariamente vasto, queria aqui deixar apenas dois breves apontamentos.

O primeiro, para chamar a atenção para os factores de ameaça que hoje pesam sobre inúmeros ecossistemas florestais. Entre outros, destaco a dispersão de espécies exóticas invasoras, as pragas e os fogos florestais.

Apoio à prevenção de catástrofes na Madalena do Mar, ilha da Madeira

As características naturais da ilha da Madeira, com uma fisiografia muito acidentada, podem constituir um factor de vulnerabilidade e de risco perante determinado tipo de fenómenos climáticos extremos. A catástrofe natural de Fevereiro de 2010 foi disso um exemplo extremo e trágico.

Resíduos perigosos nas escombreiras das antigas minas de S. Pedro da Cova

Recentemente, estudos do LNEC confirmaram que nas escombreiras das antigas minas de S. Pedro da Cova há cerca de 50.000 metros cúbicos, ou seja, cerca de 88.000 toneladas de resíduos perigosos vindos da Siderurgia Nacional, que ali foram depositados em 2001.

Água, um bem Público - Dia Mundial da Água

Água, um bem Público - Dia Mundial da Água

O PCP no Parlamento Europeu e o Grupo, o GUE/NGL, assinalaram o Dia Mundial da Água reiterando o seu compromisso na defesa de um serviço público exclusivo de captação, tratamento, abastecimento e distribuição de água, insistindo na propriedade e gestão públicas dos recursos hídricos, sem qualquer subordinação às regras da concorrência.

PE debate prevenção de catástrofes por iniciativa do PCP

PE debate prevenção de catástrofes por iniciativa do PCP

Por iniciativa do PCP, debate-se hoje a prevenção de catástrofes naturais provocadas pelo homem. No quadro da avaliação das medidas relativas às catástrofes que assolaram a Europa, o deputado do PCP exigirá acções concretas da CE para implementar as recomendações formuladas no seu relatório sobre esta matéria.

A prevenção de catástrofes naturais e provocadas pelo homem - Pergunta Oral à Comissão

Passaram dois anos desde que, em Fevereiro de 2009, a Comissão lançou uma comunicação sobre uma abordagem comunitária à prevenção de catástrofes naturais e provocadas pelo homem.

A importância do tema impõe-se à evidência. Desde então, diversas foram as catástrofes que assolaram a Europa, com consequências negativas profundas para as populações, o território, a economia e o ambiente.

Emissões de veículos comerciais ligeiros

A gestão da inovação, ou seja, a investigação e o desenvolvimento de novas tecnologias e de novos processos produtivos e a sua aplicação em larga escala, a selecção dos momentos apropriados para essa aplicação, devem ter como principais critérios orientadores: a defesa do interesse público, a melhoria da qualidade de vida das populações e a preservação ambiental.

Níveis máximos tolerados de contaminação radioactiva dos géneros alimentícios

Esta proposta consiste essencialmente numa codificação das disposições inalteradas de três regulamentos adoptados entre 1987 e 1990, que estabelecem os níveis de contaminação radioactiva tolerados em caso de emergência radiológica.

Emissões dos veículos comerciais ligeiros

Somos favoráveis ao desenvolvimento e à aplicação de tecnologias que reduzam o consumo de combustíveis fósseis e, consequentemente, os níveis de emissões atmosféricas de gases resultantes da queima desses combustíveis.

Contaminação radioativa dos géneros alimentícios

Um acidente nuclear ou qualquer outro caso de emergência radiológica – atendendo à sua gravidade e natureza e/ou implicações transfronteiriças – exige, naturalmente, uma coordenação e concertação de esforços e o estabelecimento de um conjunto de procedimentos comuns, tendo em vista a contenção e a minimização dos seus efeitos nas populações e no ambiente.