Internacional

Saudação ao Comité Central da FRETILIN

É com enorme alegria que os comunistas portugueses saúdam o histórico resultado da Fretilin nas eleições constituintes realizadas em 30.08.2001.

Condenação do assassinato de Abu Ali Mustapha

Ao tomar conhecimento do vil assassinato de Abu Ali Mustapha, Secretário-geral da Frente Popular de Libertação da Palestina, o Secretariado do Comité Central do Partido Comunista Português expressa a sua firme condenação por tal acto praticado às ordens do governo israelita e reafirma a sua solidariedade com a FPLP e a todas as organizações palestinianas que lutam pelo reconhecimento dos direitos

A paz e o desarmamento - 56 anos depois de Hiroshima

1. Cumprindo-se hoje mais um aniversário sobre o lançamento em Hiroshima da primeira bomba atómica, o PCP considera oportuno associar-se a quantos, no Japão e por todo o mundo, assinalam a trágica efeméride de 6 de Agosto de 1945.

Sobre a entrega/extradição de Slobodan Milosevic

1. É com profunda indignação e firme condenação que o Partido Comunista Português toma conhecimento da forçada entrega/extradição do antigo Presidente da República Federal da Jugoslávia, Slobodan Milosevic ao “Tribunal Penal Internacional” ad-hoc de Haia.

O rapto de cidadãos portugueses em Cabinda

Os raptos dos cidadãos portugueses a trabalhar em Cabinda, em Angola, perpetrados por diferentes facções da auto denominada "FLEC" são actos criminosos que o PCP firmemente condena, que visam dar visibilidade internacional àquela organização e agravar a situação político - militar naquele país.

PCP condena os bombardeamentos conduzidos pelos EUA e a Grã-Bretanha no Iraque

O Partido Comunista Português condena firmemente os bombardeamentos que têm sido sistematicamente conduzidos pelos EUA e a Grã-Bretanha no Iraque, em violação frontal da soberania de um Estado independente e da legalidade internacional.

Pelo fim da presença militar portuguesa nos Balcãs

Perante a extraordinária gravidade das questões suscitadas em torno da morte e doença de militares portugueses enviados para os Balcãs, o PCP considera necessário prosseguir e intensificar as acções de protesto contra o inaceitável comportamento do governo português e contra o envolvimento seguidista de Portugal na política agressiva dos EUA, da NATO e do imperialismo em geral.

Sobre a situação na Palestina

A situação nos territórios palestinianos de Gaza, Cijordânia e Jerusalém é de extraordinária gravidade.

Os novos atentados contra o povo palestiniano

A visita de Ariel Sharon com uma força de 3 mil soldados à esplanada das mesquitas em Jerusalém Oriental, no momento preciso da oração islâmica, constituiu uma frontal provocação ao povo palestiniano, aos muçulmanos de todo o mundo e à paz.

A situação em Moçambique

1. Perante a trágica dimensão da situação criada pelas intempéries que nos últimos dias assolaram Moçambique, o PCP considera imperioso atender os apelos do governo moçambicano para o fornecimento urgente de meios - helicópteros, barcos, alojamentos provisórios, alimentos, etc. - que possibilitem o pronto socorro das populações sinistradas.