Cultura

Debate de urg?ncia sobre "Porto 2001 Capital da Cultura"<br />Interven??o do deputado Jo?o Amaral

Senhor Presidente, Senhores Deputados, Senhor Ministro da Cultura: Este debate devia ocorrer permitindo em condi??es de igualdade ouvir o Dr. Artur Santos Silva e o Presidente da C?mara do Porto - e outras entidades. O modelo certo deve, por isso, ser o da audi??o parlamentar, p?blica como ? evidente, audi??o que o PCP j? solicitou e que ? urgente concretizar.

Voto n? 4/VIII, de sauda??o ao ex-Presidente do Conselho de Administra??o da Sociedade Porto 2001, SA, Dr. Artur Santos Silva<br />Interven??o do deputado Jo?o Amaral

Senhor Presidente, Senhores Deputados, o voto que est? em discuss?o e vai ser votado tem um objecto claro e definido: trata-se de a Assembleia saudar e louvar a ac??o desenvolvida pelo Dr. Artur Santos Silva no cargo que exerceu, da m?xima responsabilidade, no ?mbito do projecto ?Porto ? Capital Europeia da Cultura 2001?. ? isso que est? em discuss?o, neste momento.

Voto (de pesar) 1/VIII pelo falecimento de Am?lia Rodrigues<br />Interven??o do deputado Jo?o Amaral

Sr. Presidente e Srs. Deputados, o Grupo Parlamentar do PCP associa-se ? justa e sentida homenagem que a Assembleia da Rep?blica hoje presta ? superior artista que foi Am?lia Rodrigues. Figura grande do povo de Lisboa, Am?lia transcendeu-se e transcendeu o fado que cantou por todo o mundo.

Touros de Morte<br />Interven??o do deputado Rodeia Machado

Senhor Presidente, Senhores Deputados: Queria come?ar por saudar os representantes da popula??o de Barrancos que assistem hoje aos nossos trabalhos e que esperam legitimamente que a Assembleia da Rep?blica lhes reconhe?a e fa?a justi?a aos seus anseios e aspira??es, que a Assembleia da Rep?blica reconhe?a que as festas anuais de Agosto, viv?ncia colectiva de toda a popula??o se poss

<br />

Senhor Presidente Senhores Deputados Senhor Ministro O decreto-lei n? 15 de Janeiro de 1999 que hoje ? objecto de aprecia??o parlamentar decorre de um processo de discuss?o p?blica cada vez mais frequente quer neste governo, quer no Minist?rio da Cultura em particular. Ainda h?

Bases da Pol?tica e do Regime de Protec??o e Valoriza??o do Patrim?nio Cultural<br />Interven??o da deputada Lu?sa Mesquita

Senhor Presidente, Senhores Membros do Governo, Senhoras e Senhores Deputados A Assembleia tem hoje em debate uma Proposta de Lei que pretende estabelecer as bases da pol?tica e do regime de protec??o e valoriza??o do patrim?nio cultural, como realidade da maior relev?ncia para a compreens?o, perman?ncia e constru??o da entidade nacional e para a democratiza??o da cultura.

A nova Org?nica do Teatro Nacional de S. Carlos e suas implica??es<br />

Senhor Presidente, Senhoras Deputadas, Senhores Deputados, Este debate de urg?ncia, proposto pelo CDS/PP, n?o sendo um acto de contri??o, quer pelo sil?ncio que assumiu perante a extin??o das orquestras sinf?nicas da R.D.P. e do Teatro Nacional de S?o Carlos, quer pelo sil?ncio que assumiu desde o in?cio at?

Atribui??o do Pr?mio Nobel a Jos? Saramago<br />

Foi hoje atribu?do o Pr?mio Nobel da Literatura ao escritor portugu?s Jos? Saramago. ? a primeira vez que o Pr?mio distingue a obra de um escritor de l?ngua portuguesa. Por circunst?ncias v?rias, nunca at? agora a nossa l?ngua - uma das mais faladas do mundo - havia sido alvo de uma tal distin??o. Porque se ?

EXPO 98<br />

Senhor Presidente,Senhores Deputados:No momento de encerramento da EXPO 98, a primeira palavra deve ir para os que tornaram poss?vel o seu sucesso. Dirigimo-nos aos que a conceberam e dirigiram, incluindo Mega Ferreira, Cardoso e Cunha e Torres Campos.

Reconhecimento oficial de direitos lingu?sticos da comunidade mirandesa<br />

Senhor Presidente,Senhoras e Senhores Deputados:? com grande satisfa??o que nos associamos aos objectivos do Projecto de Lei n? 534/VII, oriundo da bancada do Partido Socialista, no sentido do reconhecimento oficial de direitos lingu?sticos da comunidade mirandesa. Quando afirmamos que "a falar ? que a gente se entende" o que afinal queremos significar ? que ?