Posições Políticas

Ver vídeo
Saudação aos jovens no Dia Nacional da Juventude

Saudação aos jovens no Dia Nacional da Juventude

O mês de Março é particularmente caro à juventude portuguesa. Nele se celebram, a 24, e tendo por base um projecto de Lei do PCP, o Dia Nacional do Estudante, e hoje, dia 28, o Dia Nacional da Juventude.

É por isso que hoje estendemos o nosso abraço aos jovens portugueses. Aos estudantes e aos trabalhadores, aos que vivem no campo e na cidade, aos atletas, aos músicos, aos artistas.

Dias que são de valorização da contribuição dos jovens para a luta contra o fascismo, mas que são, principalmente, momento de afirmação do direito a ter direitos, do direito a uma vida melhor.

PCP condena a nova provocação golpista dos EUA contra a Venezuela

PCP condena a nova provocação golpista dos EUA contra a Venezuela

As insultuosas acusações lançadas pela Administração Trump contra o Presidente Nicolás Maduro, dirigentes e altos-funcionários da República Bolivariana da Venezuela, usando caluniosamente alegadas questões ligadas a tráfico de droga, constituem um novo acto ignóbil que, ao mesmo tempo que revela o fracasso de anteriores operações desestabilizadoras, se insere na política de ingerência e agressão que, violando as mais elementares normas do direito internacional, visa derrubar o legítimo governo venezuelano.

Ver vídeo
São precisas medidas imediatas que protejam quem trabalha nas Artes e na Cultura

São precisas medidas imediatas que protejam quem trabalha nas Artes e na Cultura

Hoje, dia mundial do teatro, o PCP envia uma calorosa saudação a todos os que se dedicam de corpo e alma a esta arte, mas também a todos aqueles que têm estado na frente da luta em defesa das artes e da cultura no nosso país. Vivemos um momento contraditório e difícil, em que é preciso tomar medidas urgentes que protejam todos os que trabalham nas artes e na cultura, sobretudo todos aqueles que são afectados pela tremenda precariedade que marca, evidentemente, este sector.

Ver vídeo
Sobre as conclusões Conselho Europeu

Sobre as conclusões Conselho Europeu

O Conselho Europeu de ontem confirma, no essencial, a ausência de respostas aos problemas resultantes do surto Covid-19. A ausência de solidariedade da União Europeia é gritante. Desde logo, no mais básico: proteger a saúde das pessoas; salvar vidas; concertar esforços para adquirir, de acordo com as necessidades, equipamentos e material médico.

Ver vídeo
É urgente isentar os estudantes do pagamento das propinas

É urgente isentar os estudantes do pagamento das propinas

Na terça-feira passada, 24 de Março, comemorou-se o Dia Nacional do Estudante, numa altura particularmente complexa das nossas vidas. As instituições de Ensino Superior estão encerradas, os estudantes estão em casa e as aulas realizam-se através de meios informáticos e tecnológicos. Só que nem todos os estudantes têm acesso a esses recursos a partir de casa e mesmo as próprias instituições do Ensino Superior estão a ter dificuldades em implementar o ensino à distância.

Ver vídeo
Estender a protecção social às férias escolares de todas as crianças é urgente!

Estender a protecção social às férias escolares de todas as crianças é urgente!

O PCP voltou, hoje, a questionar o Governo sobre a necessidade de alargar ao período das férias da Páscoa o apoio garantido aos pais para assistência aos filhos, na sequência do encerramento das escolas. Ontem, no debate quinzenal, questionámos o Primeiro-Ministro sobre esta matéria. A resposta que nos foi dada foi a de que esse alargamento do apoio seria garantido apenas às crianças que frequentam a creche, o que é manifestamente insuficiente, face às necessidades das famílias.

Ver vídeo
Combater o surto epidémico, combater a lei da selva, defender e proteger os direitos dos trabalhadores

Combater o surto epidémico, combater a lei da selva, defender e proteger os direitos dos trabalhadores

O actual surto epidémico tem de ser enfrentado, prevenido e combatido com determinação, mobilizando os meios e os recursos indispensáveis à defesa da saúde e da vida. Mas não pode ser usado e instrumentalizado para, aproveitando legítimas inquietações, servir de pretexto para o agravamento da exploração e para o ataque aos direitos dos trabalhadores.

Ver vídeo
O surto epidémico do Covid-19 – A resposta inadiável à emergência económica e social

O surto epidémico do Covid-19 – A resposta inadiável à emergência económica e social

1 - A situação criada em Portugal pelo desenvolvimento do surto do Covid – 19 coloca como primeira prioridade a adopção de medidas de prevenção e de alargamento da capacidade de resposta do SNS visando o combate ao seu alastramento e a resposta clínica.

Ver vídeo
Defender firmemente os interesses do povo e do País - Rejeitar as imposições e condicionalismos da União Europeia

Defender firmemente os interesses do povo e do País - Rejeitar as imposições e condicionalismos da União Europeia

1. O quadro de exigências associado à resposta ao surto epidémico de COVID-19, nomeadamente no que se refere ao reforço urgente da capacidade do Serviço Nacional de Saúde e às medidas de defesa das actividades económicas, do emprego e dos rendimentos dos trabalhadores, dos seus direitos laborais, reclama com acrescida premência que o País enfrente e rejeite decididamente os constrangimentos decorrentes da submissão às imposições da União Europeia, que não só estão na causa dos problemas com que o povo e o País se confronta, como obstaculizam a sua resolução.

Ver vídeo
«Podem contar com o PCP para resistir às dificuldades e defender os direitos»

«Podem contar com o PCP para resistir às dificuldades e defender os direitos»

Queria partilhar convosco este sentimento de inquietação que nos assalta perante a situação que vivemos.

Mas também afirmar e partilhar a esperança de que havemos de ultrapassar as dificuldades e perigos que aí estão, onde as palavras têm de dar lugar à acção, às medidas de prevenção e de tratamento clínico que salvaguardem a vida, a saúde e os direitos.

Perguntam-nos até quando. Só temos uma certeza: havemos de dobrar esta curva apertada.