Nota do Gabinete de Imprensa do PCP

Decisão da APA não afasta a necessidade de prosseguir a luta pela construção de um novo Aeroporto no Campo de Tiro de Alcochete

A decisão hoje revelada pela Agência Portuguesa do Ambiente, favorável à utilização da Base Aérea do Montijo para uso aeroportuário civil, insere-se no processo de cedência do Governo PS aos interesses da multinacional Vinci concedendo-lhe a prerrogativa de, em vez de construir o Novo Aeroporto de Lisboa na zona do Campo de Tiro de Alcochete a que estaria obrigada com os lucros arrecadados desde a privatização da ANA, se libertar dessa responsabilidade com a construção de um “apeadeiro”, beneficiando ainda de novos direitos de cedência no actual aeroporto da Portela.

Mais uma vez os interesses monopolistas são colocados à frente dos interesses do País, impedindo desta vez que Portugal disponha de uma infraestrutura estratégica indispensável ao seu desenvolvimento.

Por mais que queiram justificar a construção de um apeadeiro, o que Portugal precisa é de um novo aeroporto! Um aeroporto digno desse nome. Que tenha capacidade de expansão e de desenvolvimento, que permita um investimento faseado para dar resposta às necessidades futuras do País. Que integre com melhores condições as múltiplas actividades de importância estratégica que se desenvolvem na aviação civil, em articulação com outros modos de transporte, inserida numa estratégia mais ampla de modernização e desenvolvimento das principais infraestruturas nacionais.

Portugal precisa de um aeroporto com futuro, que permita um processo de transição, não para sobrecarregar mas para aliviar a pressão sobre o actual Aeroporto de Lisboa. E que seja um factor, não de degradação mas sim de ordenamento e de qualificação do território, evitando e minimizando impactos nefastos sobre as populações e os ecossistemas.

Esta decisão da APA favorável aos interesses da Vinci, não afasta a necessidade de prosseguir a luta pela construção de um novo aeroporto internacional no Campo de Tiro de Alcochete, independentemente do escrutínio e da intervenção política que a utilização da Base Aérea do Montijo como pista complementar ao Aeroporto da Portela suscitará.

>
  • Economia e Aparelho Produtivo
  • Central
  • Aeroporto de Alcochete
  • Aeroporto de Lisboa
  • Aeroporto do Montijo

Partilhar