Intervenção de Maria Adelaide Alves, Membro do Comité Central do PCP, XX Congresso do PCP

Organização Regional de Leiria

Ver vídeo

''

Camaradas, uma calorosa saudação dos comunistas do distrito de Leiria.

A preparação do XX Congresso no distrito de Leiria nesta 3ª fase com mais de 50 reuniões envolvendo cerca de 600 militantes, foi um amplo espaço de debate onde foi claro a identificação e o apoio dos militantes ao projecto de Resolução Política.

A situação social no distrito é marcada por graves problemas e injustiças, mas também pela luta de massas pela ruptura com a política de direita e por uma política patriótica e de esquerda.

Valorizamos por isso a luta dos trabalhadores que com determinação e firmeza se têm batido pelo aumento de salários, na defesa da contratação colectiva e no combate à precariedade na ESIP, Keyplastics, EUROPAC, Gallo Vidro, BA vidro, Santos Barosa, Atlantis, MapiCentro, entre muitas outras.

Valorizamos a luta contra a precariedade dos trabalhadores subcontratados do Centro Hospitalar do Oeste; dos professores em defesa de direitos laborais e da Escola Pública, dos trabalhadores da Administração Local e da Valorlis pelas 35 horas e pela valorização dos salários e carreiras, dos trabalhadores da Nazaré Qualifica contra os despedimentos ilegais.

É fundamental irmos mais longe no contacto regular com os trabalhadores e transformar cada local de trabalho num ponto da acção e luta organizada.

Valorizamos a luta dos agricultores em defesa da produção e do escoamento de produtos e a luta dos pescadores por um salário mínimo garantido e pela melhoria das condições a bordo.

Os comunistas têm estado na primeira linha em todas estas lutas e também na luta em defesa do Serviço Nacional de saúde no Bombarral, Peniche, C. Rainha, M. Grande, Leiria e Nazaré; contra o encerramento de escolas na Marinha Grande e em Peniche; em defesa do pequeno comércio em Leiria e Alcobaça; contra o encerramento das estações de correios e em defesa dos baldios em Pombal, pela despoluição e desassoreamento da Lagoa de Óbidos e pela requalificação e modernização da linha do Oeste.

Permitam-me referir ainda uma luta muito especial que foi vitoriosa!

Foi a luta que levou o Governo a recuar na intenção de concessionar a privados o Forte de Peniche. Mas foi apenas uma meia vitória.

Daqui afirmamos camaradas, que vamos continuar a luta até conseguirmos fazer da Fortaleza de Peniche um espaço de defesa dos valores da liberdade, da democracia e contra o fascismo!

A memória histórica e os valores de Abril assim o exigem!

Camaradas,

Temos 1300 militantes no Distrito de Leiria. Intervêm nos movimentos de massas, no poder local e nas tarefas de organização, entre outras.

Mas há muito trabalho a fazer na atribuição de tarefas regulares a cada camarada, e na integração de mais camaradas nos colectivos.

A estrutura orgânica é ainda insuficiente.

Apesar da criação de novas células, reactivação de outras e contactos com mais trabalhadores, estamos aquém das necessidades e das possibilidades na organização, na estruturação e no funcionamento do partido nas empresas e locais de trabalho.

Desde o último Congresso realizámos importantes iniciativas com centenas de camaradas em vários concelhos.

Recrutámos 130 militantes.

Avançámos ligeiramente na recolha de quotas.

Com a realização das Assembleias da Organização Regional, assembleias locais e concelhias foram responsabilizados quadros e criaram-se células e organismos onde estão integrados cerca de 300 militantes.

Estruturar o Partido, criar mais células de empresa e assegurar o seu funcionamento regular, criar organismos de base nas freguesias, criar células de reformados, avançar no recrutamento e na difusão e venda do Avante são direcções de trabalho prioritárias que assumimos com confiança para o reforço do Partido no distrito de Leiria.

Pela Democracia e pelo Socialismo.
Viva o XX Congresso do PCP!
Viva o PCP!

>
  • Intervenção
  • XX Congresso do PCP
  • PCP
  • Leiria

Partilhar