Voto N.º 634/XIII/4.ª

Saudação pelo 20.º aniversário da atribuição do Nobel da Literatura a José Saramago

Cumpre-se, em 2018, o 20.º aniversário da atribuição do Prémio Nobel da Literatura a José Saramago. A sua vasta, notável e singular obra literária, assim reconhecida internacionalmente, ficará como marca impressiva na história da literatura portuguesa. Ao longo da sua carreira, José Saramago recebeu 18 prémios literários. Ao ser distinguido em 1998 com o Nobel, o único atribuído até hoje a um autor de língua portuguesa, Saramago conferiu uma dimensão mundial sem precedentes à literatura, à língua e à cultura portuguesas e tornou-se o mais universal dos escritores portugueses, traduzido e editado em 27 países.

As dimensões intelectual, artística, humana e cívica fazem de José Saramago uma figura maior na história do nosso país. Interveniente ativo na resistência ao fascismo, Saramago deu continuidade a essa intervenção no período posterior ao 25 de Abril de 1974 enquanto protagonista da construção de uma democracia que tinha como referência primeira a defesa dos interesses dos trabalhadores, do povo e do país. Foi militante do PCP desde 1969 até ao final da sua vida.

No discurso na Academia Sueca, José Saramago disse: «A voz que leu estas páginas quis ser o eco das vozes conjuntas das minhas personagens (...) e essas vozes conjuntas são um eco do povo, dos trabalhadores, dos imperfeitos humanos que constroem a história».

No dia em que regressou a Lisboa após a atribuição do Nobel, no final de uma sessão de homenagem organizada pelo PCP, Saramago dirigiu-se ao Terreiro do Paço para dar um abraço solidário aos trabalhadores que ali levavam a cabo uma jornada de luta contra as alterações à legislação laboral.

A Assembleia da República, reunida em Sessão Plenária, assinala o 20.º aniversário da atribuição do Prémio Nobel da Literatura a José Saramago, relevando a importância da obra deste escritor de grande mérito artístico e de indiscutível prestígio nacional e internacional.

>
  • Cultura
  • PCP
  • Assembleia da República
  • Votos
  • José Saramago

Partilhar