Saudação ao Encontro Internacional em Minsk e às comemorações dos 90 anos da Revolução de Outubro decorridas em Moscovo

No 90º aniversário da Grande Revolução Socialista de Outubro que agora se comemora, o Comité Central do Partido Comunista Português apresenta as suas calorosas e fraternais saudações aos comunistas e a todos aqueles que, herdeiros das melhores tradições proletárias nos países que outrora formaram a URSS, resistem hoje à ofensiva exploradora do imperialismo e prosseguem a luta pela soberania, o progresso social e o socialismo.

O triunfo, sob a liderança de Lenine, da revolução bolchevique em Outubro de 1917, logrando a instauração de um poder revolucionário na imensa Rússia, constituiu um marco ímpar na história. Pela primeira vez as classes exploradas e oprimidas empreenderam a obra de construção de uma nova sociedade, liberta da exploração. Um acontecimento que, passando pela fundação da União das Repúblicas Socialistas Soviéticas e a sua experiência de construção do socialismo marcaria impressivamente todo o século XX, com os seus avanços libertadores e grandes conquistas sociais. Sob o peso determinante da URSS, e revelando o heroísmo de milhões de soviéticos e o contributo abnegado dos comunistas na sua vanguarda, o mundo foi libertado da barbárie do nazi-fascismo. Outubro exerceu uma enorme influência no desenvolvimento da luta dos trabalhadores e dos povos, na derrocada dos impérios coloniais e na contenção da natureza exploradora e agressiva do imperialismo, abrindo espaço ao progresso dos povos e contribuindo decisivamente para a paz e segurança internacionais - hoje tão perigosamente colocadas em causa.

O fim inglório da URSS e o conjunto de circunstâncias e erros que conduziram à criação e, depois, ao esgotamento dum modelo não apagaram porém o significado e impacto da viragem revolucionária representada por Outubro, tal como os extraordinários avanços e realizações e o rico património teórico-prático que a primeira experiência de edificação de uma sociedade socialista encerra. A sua actualidade adquire redobrada importância no quadro actual, ensombrado pelos efeitos destrutivos da globalização imperialista. A agudização de velhas e novas contradições do capitalismo e os crescentes e cada vez mais vastos desequilíbrios e ameaças com que se defronta a humanidade, em virtude da tentativa de imposição do capitalismo como sistema universal, só sublinham, afinal, a necessidade premente e incontornável de efectivas transformações revolucionárias e do caminho do socialismo. Tempos que impõem a necessidade de afirmação dos partidos comunistas nas batalhas que travam em cada um dos seus países e, simultaneamente, o reforço do movimento comunista e da solidariedade e cooperação de todas as forças revolucionárias e efectivamente progressistas.

Estamos convictos que a luta persistente dos homens e das mulheres - na multinacional Federação Russa e nos outros países da ex-URSS -, dos comunistas e demais forças do progresso, não olhando a dificuldades e inspirando-se no exemplo e lições colhidas da trajectória histórica do poder soviético e da URSS, voltará no futuro a estar em condições de resgatar os horizontes do projecto emancipador do socialismo, retomando o legado da Revolução de Outubro.

>
  • Central
  • Declarações e Comunicados do PCP

Partilhar