Posições Políticas

Sobre as decisões de 13 de Maio do Conselho de Ministros Restrito

1. O Partido Comunista Português apoia e saúda as disposições aprovadas pelo Conselho de Ministros restrito, na sua reunião de 13 de Maio, sobre novas nacionalizações que abarcam três importantes ramos da economia nacional, sobre a elevação do salário mínimo e as outras actualizações salariais, tanto na função pública como no sector privado, sobre algumas medidas de austeridade.

Sobre a situação em Angola

1. O Partido Comunista Português considera que o agravamento da situação em Angola ensombra a perspectiva da via pacífica para a libertação e independência do povo angolano e é motivo de grande preocupação para todos aqueles que vêem o processo de descolonização iniciado com o 25 de Abril de 1974 inteiramente relacionado com a marcha do processo revolucionário em Portugal.

Sobre o funeral dos camaradas Pedro Soares e Maria Luísa Costa Dias

Do salão nobre do Pavilhão dos Desportos para o cemitério do Alto de S. João, realiza-se na terça-feira, dia 13, às 18 horas, o funeral dos nossos camaradas Pedro Soares, membro do Comité Central, e a sua companheira Maria Luísa Costa Dias, destacada militante do Partido.

Sobre o desastre que vitimou os camaradas Pedro Soares e Maria Luísa Costa Dias

A Comissão Política do Comité Central do Partido Comunista Português informa as organizações e membros do Partido, a classe operária, os trabalhadores, os democratas e o povo que acabam de perder a vida num brutal acidente de viação, ocorrido às primeiras horas de hoje na auto-estrada do Norte, os queridos camaradas Pedro Soares, membro do Comité Central do Partido Comunista Português, e Maria Lui

Sobre a situação política e social

1. A Comissão Política do Comité Central do Partido Comunista Português manifesta a sua profunda preocupação com a evolução nos (últimos dias da situação Política e social.

Sobre os incidentes no Estádio 1º de Maio

1. O Partido Comunista Português foi uma das cinco organizações partidárias que a Intersindical convidou a associar-se às comemorações do 1º de Maio de 1975. As outras foram o Partido Socialista, o Movimento Democrático Português I CDE, a Frente Socialista Popular e o Movimento da Esquerda Socialista.

Sobre a Jornada do 1º de Maio de 1975

1. A jornada do 1º de Maio de 1975 constituiu em todo o País uma grandiosa demonstração da organização e da força dos trabalhadores e da sua aliança com o MFA.

Sobre as Eleições

1. As eleições para a Assembleia Constituinte em 25 de Abril de 1975 constituíram para o povo português uma significativa data na construção do novo Portugal democrático. Pela primeira vez, desde há meio século, foi possível ao povo português votar em liberdade em grande parte do território nacional.

Sobre o recrudescimento de boatos provocatórios com o aproximar do Acto Eleitoral do 25 de Abril

Nos últimos dias, com o aproximar do dia 25, tem-se verificado um recrudescimento de boatos provocatórios, com o objectivo de espalhar a confusão e o receio e assim vir a criar condições propicias para perturbar o clima de tranquilidade e confiança em que deverá decorrer o próximo acto eleitoral.