PCP solidário com os presos palestinianos

PCP solidário com os presos palestinianos

A convite da Frente Democrática de Libertação da Palestina, o PCP esteve presente no 4º Congresso da Aliança Europeia em Defesa dos Presos Palestinianos, que se realizou de 8 a 10 de Dezembro, na Holanda, em Haia, cidade onde está sediado o Tribunal Internacional de Justiça (TIJ), órgão judiciário da Organização das Nações Unidas.

Neste Congresso participaram partidos e movimentos que defendem a justa causa e luta do povo palestiniano pela sua liberdade da colonização e opressão que lhe é imposta pelo Estado de Israel, com o apoio dos EUA e a cumplicidade e conivência da UE. Participaram igualmente juristas que denunciaram a violação sistemática das resoluções da ONU e decisões do TIJ, assim como familiares de presos políticos palestinianos encarcerados por Israel, os quais testemunharam as degradantes e inumanas condições a que são submetidos durante o cativeiro.

Saiu reforçada do Congresso a determinação em denunciar os crimes sionistas e em exigir a libertação imediata dos presos políticos palestinianos detidos pelas autoridades israelitas.

Leal ao seus dever internacionalista, o PCP reafirmou a sua solidariedade para com o povo palestiniano e sua legítima e heroica luta pelo direito a um Estado independente e viável nas fronteiras anteriores a 1967, com capital em Jerusalém Leste. O Partido reafirmou também o respeito pelo direito de retorno dos refugiados palestinianos, assim como pela libertação de todos os prisioneiros políticos palestinianos em Israel.

>
  • Actividade Internacional

Partilhar