PCP presente no III Congresso do PSUV

A convite do Partido Socialista Unido da Venezuela (PSUV), o PCP participou no III Congresso deste Partido, que se realizou de 26 a 31 de Julho, em Caracas – sob o lema «Unidade, luta, batalha e vitória!» –, com a participação de cerca de 985 delegados e delegadas.

O III Congresso do PSUV culminou um processo de preparação iniciado em Janeiro deste ano, contando com uma ampla participação dos seus militantes – organizados nas Unidades Bolivar Chávez (UBC) –, por toda a Venezuela. Durante os trabalhos do Congresso foi afirmada a unidade do PSUV, tendo Nicolás Maduro sido designado seu presidente.

No III Congresso do PSUV foi reafirmada a vontade e o compromisso de defender as conquistas alcançadas nos últimos quinze anos pelo povo venezuelano e a legalidade constitucional, dando continuidade e aprofundando a revolução bolivariana e afirmando o seu rumo socialista.

Nos debates do Congresso estiveram presentes, entre outras questões, o avanço das conquistas sociais; as grandes e exigentes questões e desafios que se colocam na área económica; a necessidade de enfrentar a Guerra Económica, combatendo as situações de especulação, açambarcamento, contrabando e corrupção; o fortalecimento da ligação das UBC ao povo, a dinamização e reforço da participação e do poder popular, a questão da transformação do Estado; ou a revitalização e fortalecimento do Grande Pólo Patriótico.

Foi expressa a necessidade de dar combate firme aos objectivos e acção antidemocráticos e golpistas das forças da extrema-direita fascista e da direita venezuelanas, articuladas e apoiadas pelo imperialismo norte-americano, contra a revolução bolivariana.

Entre outros importantes aspectos, o Congresso apontou o desenvolvimento ulterior de cinco teses, em torno: do rumo socialista da revolução bolivariana como condição para a defesa e salvaguarda da soberania e independência da Venezuela; do desenvolvimento de uma economia de produção socialista como a tarefa mais importante da nova etapa da revolução bolivariana; da intrínseca relação entre democracia e socialismo; da importância da formação política-ideológica; e sobre a unidade latino-americana e caribenha e as grandes questões que se colocam na actual situação internacional, partindo de uma posição anti-imperialista.

A 28 de Julho, durante o Congresso, as delegações estrangeiras tiveram a possibilidade de assistir ao «Acto latino-americano de homenagem a Hugo Chávez», realizado por ocasião do aniversário do seu nascimento.

O PCP teve oportunidade de agradecer o convite para participar no III Congresso do PSUV e expressar a vontade de continuar a aprofundar as relações bilaterais entre os dois partidos, reafirmando a sua solidariedade para com a causa da revolução bolivariana e a luta do povo venezuelano e das forças reunidas no Grande Pólo Patriótico.

O PCP esteve representado por Pedro Guerreiro, membro do Secretariado do Comité Central do PCP e Responsável da Secção Internacional.

>
  • Central
  • Actividade Internacional
  • América Latina
  • Imperialismo
  • Revolução Bolivariana
  • Venezuela

Partilhar