Intervenção de António Filipe na Assembleia de República

Falecimento de Mário Júlio Montalvão Machado

Voto de pesar pelo falecimento de Mário Júlio Montalvão Machado (voto n.º 45/XI-1.ª)

Sr. Presidente,
Srs. Deputados:
Na primeira legislatura em que assumi funções nesta Assembleia, a V Legislatura, o Dr. Mário Júlio Montalvão Machado era o líder parlamentar do PSD. Tive, portanto, ainda o privilégio de poder acompanhar alguns anos da sua actividade parlamentar e guardo a impressão de um parlamentar com enorme brilho, enorme eloquência, grande serenidade, uma imensa elevação na forma de abordar o debate político.
E posso dar público testemunho do enorme respeito que o Dr. Mário Montalvão Machado granjeava em todos os elementos que integravam a bancada parlamentar do PCP. Um respeito que era não apenas o respeito pelo adversário político e pela sua qualidade enquanto parlamentar mas também o respeito pelo passado do Dr. Mário Montalvão Machado, o seu passado anti-fascista, particularmente como advogado que se notabilizou pela defesa de anti-fascistas, inclusivamente pela defesa de militantes comunistas, junto dos tribunais plenários da ditadura fascista. Portanto, era também o respeito que se nutria por um grande companheiro da luta anti-fascista.
No momento em que o Dr. Mário Júlio Montalvão Machado nos deixa, queria aqui manifestar as condolências do Grupo Parlamentar do PCP. Ao PSD, seu partido de sempre, ao seu grupo parlamentar, ao nosso colega António Montalvão Machado, seu filho, e a todos os seus familiares, os nossos sentidos pêsames.

>
  • Regime Democrático e Assuntos Constitucionais
  • Assembleia da República
  • Intervenções

Partilhar