Em Lisboa como por todo o País

Esclarecer e mobilizar contra o roubo nos salários

«Querem-nos roubar ainda mais nos salários!» Foi com esta e outras afirmações semelhantes que os comunistas chamavam a atenção dos trabalhadores e das populações acerca do teor dos folhetos que distribuíam. Isto passou-se hoje de manhã em múltiplas acções realizadas no âmbito da campanha do PCP de denúncia das medidas propostas pelo Governo., com o apoio do PSD, que, uma vez mais, penalizam quem trabalha deixando incólumes os lucros e os benefícios da banca e dos grandes grupos económicos. As acções prolongam-se ao longo do dia.

Na estação do Campo Grande, em Lisboa, o presidente do Grupo Parlamentar do PCP, Bernardino Soares, e a deputada comunista Rita Rato juntaram-se a outros militantes numa destas acções. Largas centenas de folhetos foram distribuídos e foi ainda possível manter algumas conversas, onde se procurou desmascarar a falsa ideia de que os sacrifícios estão a ser «distribuídos» por todos e se salientou a importância política da moção de censura que será debatida amanhã na Assembleia da República. Nessas breves trocas de ideias, apelou-se à participação na grande manifestação da CGTP-IN marcada para o dia 29 e para o comício de hoje à noite.

>
  • Assuntos e Sectores Sociais
  • Economia e Aparelho Produtivo
  • PCP
  • Trabalhadores
  • Central
  • Campanhas do PCP
  • PEC
  • Salários

Partilhar