Nota do Gabinete de Imprensa dos Deputados do PCP ao PE

Cerimónia da Tomada de Posse do Presidente Evo Morales

Cerimónia da Tomada de Posse do Presidente Evo Morales

A deputada do PCP no Parlamento Europeu, Inês Zuber, integrou a delegação do GUE/NGL que participou ontem nas cerimónias tradicionais indígenas de tomada de posse do Presidente Boliviano Evo Morales, as quais se realizaram no Templo de Kalasasaya, na localidade de Tiwanaku, e na qual estiveram presentes milhares de pessoas do movimento indígena e de organizações sociais nacionais e de todo o mundo, para além de dezenas de representações diplomáticas. Após a realização de várias cerimónias rituais, o Presidente Evo Morales valorizou as diferentes riquezas que pertencem ao povo boliviano, sublinhando que a pobreza é um produto do colonizador, mas que nos últimos anos ficou demonstrado que os indígenas e os sindicalistas sabem governar-se a si próprios. A Constituição aprovada em 2009 consagra a Bolívia como estado plurinacional que reconhece os direitos das diferentes nacionalidades indígenas.

De relembrar que as eleições bolivianas que se realizaram no passado dia 12 de Outubro elegeram o Presidente e Vice-Presidente do Estado, senadores e deputados à Assembleia Legislativa Supranacional, bem como representantes das instituições supra-nacionais. O Movimento ao Socialismo, do qual Evo Morales é dirigente, obteve 61,36% dos votos, tendo ganho em 8 dos 9 departamentos do país, numa eleição que contou com uma ampla participação eleitoral (87,9%). Este será o 3º mandato de Evo Morales à frente do Governo da Bolívia que desde 2006 retirou da pobreza mais de um milhão de bolivianos, aumentou em 300% o salário mínimo, erradicou o analfabetismo, melhorou as pensões e o acesso à saúde e educação, nacionalizou os recursos naturais, e manteve a estabilidade económica (com superavit).

A deputada do PCP participará também amanhã nas cerimónias oficiais de tomada de posse que se realizam na Assembleia Legislativa Plurinacional e no Palácio de Governo, e que contarão com a presença de cerca de 40 representantes de governos, entre os quais estarão presentes, entre outros, os presidentes Dilma Roussef, Nicolas Maduro e Rafael Correa.

Os deputados do PCP expressam a sua solidariedade para com o povo boliviano e para com o seu direito a escolherem um futuro de progresso, desenvolvimento, justiça social e soberania.

>
  • União Europeia
  • Notas de Imprensa
  • Parlamento Europeu
  • Questões Internacionais
  • América Latina
  • Bolívia
  • Evo Morales

Partilhar