Benavente manifesta apoio à CDU

Benavente manifesta apoio à CDU

Jerónimo de Sousa terminou o dia de campanha em Benavente, com centenas de apoiantes da CDU a encher o Centro Cultural de Samora Correia. A acção arrancou «Pelo sonho e pela razão», o hino de campanha.

A lista da Coligação PCP-PEV – composta por sete mulheres e sete homens, com uma média etária de 49 anos, abrangendo diversos sectores de actividade – é encabeçada por António Filipe. João Luíz Madeira Lopes, Júlia Amorim, Ivo Santos, Sónia Colaço, João Pedro Arraiolos, Inês Santos, Cristina Tomé, Hélio Justino, Anabela Mota, Vítor Pires, André Gomes, Gisela Matias e Ana Paula Cruz são também candidatos. Paulo Macedo é o mandatário distrital.

Como destacou o Secretário-geral do PCP, esta é uma lista «com provas dadas na luta pelos direitos, pelo desenvolvimento, pela defesa daqueles que vivem e trabalham neste distrito e à qual se acrescenta a mais-valia de um profícuo e reconhecido trabalho realizado na Assembleia da República, quer pelo eleito da CDU neste círculo eleitoral de Santarém – o activo e prestigiado deputado, António Filipe, primeiro nome da lista de candidatos, quer pelos outros deputados do PCP e do PEV».

Para «avançar» nos próximos quatro anos, salientou a necessidade de combater as «desigualdades e injustiças», colocando como estratégico, entre outras propostas, «o aumento dos salários, medida de enorme alcance social, de valorização do trabalho, do combate à pobreza e melhoria das condições de vida».

«Assumimos como questão decisiva para o País a necessidade de valorizar direitos e rendimentos dos trabalhadores. O aumento geral dos salários, incluindo o salário mínimo nacional para 850 euros. Uma emergência nacional, para uma mais justa distribuição da riqueza, para a dinamização da economia nacional, para fortalecer a Segurança Social e assegurar melhores pensões no futuro», destacou.

Neste «tempo de opções decisivas», apelou ao voto de todos na CDU para «abrir esse caminho que urge». «É aqui, na CDU, que encontram o grande espaço de convergência de democratas e patriotas, de todos aqueles que querem que o País avance», concluiu.

António Filipe deu a conhecer algumas das principais prioridades da CDU para o distrito de Santarém, que passam, por exemplo, pela valorização do trabalho e dos trabalhadores, das pensões e das reformas, pela defesa do direito à saúde, em particular o Serviço Nacional de Saúde, do investimento público e na aposta no sector produtivo.

Outros dos problemas que precisam de ser resolvidos passam pelas travessias do Tejo e as acessibilidades rodo e ferroviárias, que o PS, tal como antes PSD e CDS fizeram, impediu.

Intervieram, também, Daniel Santos, da Juventude CDU, João Luiz Madeira Lopes e Sónia Colaço, do PEV.

>
  • CDU - Legislativas 2019
  • Central

Partilhar