Solidariedade com os trabalhadores e povo colombiano

O PCP expressou a sua solidariedade aos trabalhadores e povo colombiano, dirigindo-se ao Partido Comunista Colombiano, à Marcha Patriótica e ao Partido Comunes, que em conjunto com outras forças sociais e políticas colombianas, estão empenhados numa duríssima luta em defesa dos direitos, interesses e aspirações populares, com a realização de amplas mobilizações por toda a Colômbia, que corajosamente enfrentam a brutal repressão do Governo de Ivan Duque.

Na sua mensagem, o PCP transmitiu aos trabalhadores e povo colombiano que não estão sós e que têm em Portugal amigos sinceros que admiram e apoiam a sua persistente e heróica luta contra a oligarquia exploradora e opressora e o imperialismo norte-americano, e pelo cumprimento dos Acordos de Paz e por uma paz com justiça social, pelo fim do sistemático assassinato de ex-guerrilheiros e activistas sociais e da impunidade dos grupos paramilitares narcofascistas, pelo fim da utilização da Colômbia como base de agressão contra a Venezuela Bolivariana.

Considerando a luta dos trabalhadores e povo colombiano como parte de uma luta que é comum, o PCP considera-a igualmente como um contributo para a luta em Portugal em defesa dos interesses e direitos dos trabalhadores e povo português.

O PCP condenou firmemente a criminosa repressão fascista com que o Governo de Ivan Duque, orientado por Uribe e representante dos interesses da oligarquia, pretende sufocar a mobilização popular desencadeada pela Greve Nacional a 28 de Abril.

Valorizando os resultados já alcançados pela luta dos trabalhadores e povo colombiano, o PCP expressou ainda a sua confiança de que a unidade e força da acção das massas populares acabarão por vencer.

>
  • Paz e Solidariedade
  • Relações Bilaterais