Posições Políticas

Os quadros – recrutamento, formação, acção e militância

Os quadros – recrutamento, formação, acção e militância

1 – Sobre o recrutamento de Quadros

A unidade, a coesão interna e o dinamismo das organizações sindicais, a capacidade de sindicalizar, organizar e dirigir a luta dos trabalhadores, dependem em grande medida da quantidade, qualidade e militância dos quadros sindicais.

Por isso, a política de quadros, a começar pelo recrutamento, a sua inserção no trabalho colectivo, desde logo nas comissões sindicais e intersindicais, a atribuição de tarefas e responsabilidades e a formação teórica e prática, têm que estar sempre presentes na vida e na gestão das nossas organizações.

Internacionalismo proletário – componente e instrumento essencial do movimento operário

Internacionalismo proletário – componente e instrumento essencial do movimento operário

Ao longo dos seus 100 anos de História o PCP soube, sempre, mesmo durante a clandestinidade, honrar as suas responsabilidades para com os trabalhadores, o povo e a pátria, e simultaneamente, afirmar-se como um partido internacionalista.

A dimensão internacionalista da CGTP-IN

A dimensão internacionalista da CGTP-IN

Camaradas,

Desde sempre o capital tem procurado dividir os trabalhadores. Assente numa profunda ofensiva ideológica, procura, desde as empresas e locais de trabalho até à escala supranacional, criar divisões artificiais no seio dos trabalhadores, movendo mundos e fundos para concretizar tais objectivos.

A isto soma-se a repressão e criminalização da luta, às quais o capital junta a ideia que a luta de classes é uma ideia estafada, enterrada no passado.

Ver vídeo
Crianças e pais com direitos em tempos de confinamento

Crianças e pais com direitos em tempos de confinamento

Gostaria, antes de mais, de vos saudar e agradecer a vossa presença, bem como os contributos que aqui vieram.

Como aqui se evidenciou com o encerramento das escolas no dia 22 de Janeiro, as famílias com crianças e jovens a cargo viram-se novamente numa situação complexa: com as crianças em casa, a partir de segunda-feira com ensino à distância, muitas em teletrabalho ou a ter de accionar o mecanismo de assistência à família.

Ver vídeo
100 anos de luta ao serviço do povo e da pátria,  pela Democracia e o Socialismo

100 anos de luta ao serviço do povo e da pátria, pela Democracia e o Socialismo

Em nome do Partido Comunista Português queria, antes de mais, agradecer a vossa presença neste acontecimento editorial de lançamento do livro «100 Anos de Luta ao Serviço do Povo e da Pátria, pela Democracia e o Socialismo» que, estamos certos, reconhecerão pelo valor e qualidade do trabalho que agora se dá a conhecer, como mais um momento marcante no conjunto das iniciativas que temos vindo a realizar no âmbito do programa de comemorações do Centenário do Partido Comunista Português.

Nesta obra está muita da história do nosso País e do nosso povo.

Ver vídeo
A situação da Saúde – a resposta necessária à epidemia

A situação da Saúde – a resposta necessária à epidemia

Um ano após o surgimento da epidemia em Portugal, e apesar dos avanços da ciência ao serviço da saúde, continuamos a enfrentar um tempo de grandes complexidades e incertezas.

A situação sanitária agravou-se significativamente com uma evolução negativa da epidemia, que está a colocar o Serviço Nacional de Saúde e os seus profissionais sob uma enorme pressão, com consequências no aumento muito significativo de internamentos, particularmente em Unidades de Cuidados Intensivos.

Ver vídeo
Jaime Serra permanece como exemplo vivo e inspirador

Jaime Serra permanece como exemplo vivo e inspirador

É com enorme alegria que em nome do nosso e teu Partido de sempre te saudamos na passagem dos teus 100 anos de vida que há poucos dias acabaste de cumprir!

Fizeste 100 anos, tantos quanto vai fazer no próximo mês de Março o nosso Partido Comunista Português que tu honraste e ajudaste a construir com uma longa e dedicada militância para servir a classe operária, os trabalhadores, o nosso povo, a nossa luta pela liberdade, a democracia, o socialismo e o comunismo.

Sobre a vacinação e os seus critérios

Sobre a vacinação e os seus critérios

O PCP considera que a questão prioritária acerca da vacinação contra a Covid-19 não é a vacinação dos órgãos de soberania mas sim a de garantir que haja vacinas suficientes para a vacinação dos portugueses e o cumprimento dos objectivos definidos no plano de vacinação.

Ver vídeo
Defender a TAP, os seus trabalhadores e a soberania nacional

Defender a TAP, os seus trabalhadores e a soberania nacional

Permitam-me que, antes de me centrar no que aqui nos reúne, adiante duas palavras sobre a situação que o País vive com a evolução da epidemia e as medidas que se impõem.

Na audiência que há pouco tivemos com o Presidente da República tivemos ocasião de reafirmar aquilo que consideramos fundamental:

- é preciso responder decididamente às medidas de reforço do Serviço Nacional de Saúde (incluindo com a concretização das medidas que no Orçamento do Estado ficaram consagradas, muitas por proposta do PCP;

Comunicado do Comité Central do PCP de 26 de Janeiro de 2021

Comunicado do Comité Central do PCP de 26 de Janeiro de 2021

O Comité Central do PCP analisou os resultados das eleições de 24 de Janeiro para Presidente da República e o quadro político que delas resulta. Avaliou a situação da epidemia de Covid-19 no país e as respostas que se impõem. Traçou as principais linhas de intervenção do Partido, em que se destacam a resposta à situação nacional, o reforço do Partido e as comemorações do seu Centenário.