Nota do Gabinete de Imprensa dos Deputados do PCP ao PE

Timor-Leste irá participar na Assembleia ACP-UE

O Conselho Nacional da Resistência Timorense (CNRT) aceitou o convite para estar presente, na qualidade de observador, na próxima reunião da Assembleia Paritária ACP-UE, que terá lugar de 11 a 14 de Outubro, nas Bahamas.

O convite foi efectuado na sequência da carta que Joaquim Miranda, Presidente da Comissão para o Desenvolvimento e a Cooperação do Parlamento Europeu, enviou ao co-presidente desta Assembleia Paritária na qual propôs que o Conselho Nacional da Resistência Timorense fosse convidado a participar, na qualidade de observador, na próxima reunião desta Assembleia.

Esta proposta do deputado do PCP surge após o desejo manifestado pelos representantes do povo timorense de que, uma vez conquistada a independência e constituído o Estado de Timor-Leste, este venha a aderir, como membro de pleno direito, à Convenção de Lomé.

A Assembleia Paritária ACP-UE é constituída por 142 membros, sendo metade deputados do PE e outra metade parlamentares de países de África, Caraíbas e Pacífico, entre os quais se encontram Angola, Moçambique, Guiné-Bissau, Cabo Verde e São Tomé e Príncipe.

Refira-se ainda que a análise da situação em Timor-Leste se encontra inscrita na Ordem de Trabalhos da próxima Assembleia, pelo que o CNRT poderá vir a participar neste debate.

Os deputados do PCP do PE congratulam-se com a participação do CNRT - representante do povo timorense - neste fórum, que poderá contribuir para o processo de reconhecimento de Timor-Leste como Estado independente.

>
  • Soberania, Política Externa e Defesa
  • Notas de Imprensa
  • Parlamento Europeu
  • Timor-Leste