Comunicado da Comissão Política do Comité Central do PCP

Sobre as eleições regionais dos Açores e da Madeira

1. Analisando os resultados das eleições ontem realizadas para as Assembleias Legislativas da Madeira e dos Açores, a Comissão Política do CC do PCP salienta como aspectos particularmente relevantes os promissores progressos eleitorais alcançados pela CDU naquelas duas Regiões Autónomas e a derrota sofrida pelo PSD nos Açores que põe termo a vinte anos da sua hegemonia política.

2. Com efeito, merece uma justa valorização o facto de, na Região Autónoma da Madeira, a CDU ter subido de 2,9% para 4,1% e ter eleito mais um deputado que em 1992 (2 no total, o que lhe permite formar um grupo parlamentar).

Na Região Autónoma dos Açores. a par da manutenção da eleição de um deputado, verificou-se também um positivo progresso da CDU em termos de votação traduzido na obtenção de 3,5% (para 2,3% em 1992). De registar ainda que a CDU foi a força mais votada no círculo das Flores.

Adquire ainda um significado que ultrapassa o âmbito regional o facto de estes progressos eleitorais da CDU se terem registado em situações de uma fortíssima propaganda da «bipolarização» entre PS e PSD.

3. A Comissão Política do PCP saúda calorosamente as organizações e membros do Partido e todos os activistas e candidatos da CDU nas Regiões Autónomas pelo magnifico trabalho e esforço desenvolvidos em condições particularmente difíceis, e salienta que os resultados alcançados no passado domingo pela CDU representam seguramente um novo estimulo e um factor de acrescida confiança para a dinamização e ampliação da sua intervenção ao serviço dos interesses das populações da Madeira e dos Açores.

>
  • Poder Local e Regiões Autónomas
  • Central