Declaração sobre o Kosovo

Reunião do Grupo de Trabalho do  
ENCONTRO INTERNACIONAL DE PARTIDOS COMUNISTAS E OPERÁRIOS
16 de Fevereiro 2008. Lisboa, Portugal

Os Partidos Comunistas e Operários presentes em Lisboa a 16 de  Fevereiro de 2008 por ocasião da Reunião do Grupo de Trabalho do Encontro Internacional de Partidos Comunistas e Operários debateram os desenvolvimentos no que concerne à iminente declaração unilateral de independência do Kosovo, promovida pelos Estados Unidos da América, NATO e União Europeia e consideram que:

Um tal passo - que viola frontalmente o direito internacional e as resoluções das Nações Unidas sobre esta questão - terá graves consequências para a região do Balcãs e a nível internacional.

Representa um grave perigo para os povos, desencadeando alterações de fronteiras, ameaçando lançar toda a região numa nova espiral de conflitos, guerras e intervenções internacionais, e criando um perigoso precedente internacional.

Os nossos Partidos opõem-se à secessão do Kosovo da República da Sérvia. Exigem aos governos dos seus países que se abstenham de reconhecer a independência do Kosovo bem como de enviar tropas para a região.

Lisboa, 16 de Fevereiro de 2008
Os Partidos,

•    Partido Comunista Sul Africano
•    Partido do Trabalho da Bélgica
•    Partido Comunista do Brasil
•    Partido Comunista de Cuba
•    Partido Comunista de Espanha
•    Partido Comunista dos Povos de Espanha
•    Partido Comunista da Grécia
•    Partido Comunista da Índia (Marxista)
•    Partido dos Trabalhadores da Irlanda
•    Partido dos Comunistas Italianos
•    Partido Comunista Libanês
•    Partido do Povo do Panamá
•    Partido Comunista Português
•    Partido Comunista da Boémia e Morávia
•    Partido Comunista da Federação Russa
•    Partido Comunista da Síria
•    Partido Comunista da Ucrânia

>
  • Central
  • Grupo de Trabalho
  • Declarações / Apelos Conjuntos
  • Encontro Internacional de Partidos Comunistas e Operários
  • Questões Internacionais