Posições Políticas

Sobre o veto do diploma relativo à contagem do tempo de serviço dos professores

Sobre o veto do diploma relativo à contagem do tempo de serviço dos professores

O veto do Presidente da República ao diploma relativo à contagem do tempo de serviço dos professores e que lhes retirava uma grande parte do tempo serviço prestado, confronta o Governo com a exigência de dar cumprimento ao que dispõe o Orçamento do Estado para 2018 e que foi confirmado recentemente na Assembleia da República com a aprovação do Orçamento do Estado para 2019.

Nos dez anos da agressão de Israel a Gaza, PCP apela a solidariedade com o povo palestiniano

Nos dez anos da agressão de Israel a Gaza, PCP apela a solidariedade com o povo palestiniano

1. Assinalam-se hoje dez anos que Israel desencadeou a criminosa guerra contra a população palestiniana na Faixa de Gaza designada «Operação Chumbo Fundido». Durante três semanas, Israel bombardeou indiscriminadamente a população palestiniana enclausurada pelo cerco – a quem foi negado até mesmo o direito a fugir dos bombardeamentos israelitas –, provocando cerca de 1300 mortos, dos quais 400 mulheres e crianças.

Por solicitação de vários órgãos de comunicação social sobre a acção que hoje teve lugar, o PCP torna público:

Por solicitação de vários órgãos de comunicação social sobre a acção que hoje teve lugar, o PCP torna público:

O PCP considera que, independentemente dos promotores, da dissimulação de objectivos reaccionários, de elementos demagogicamente invocados, se regista um enorme contraste entre uma promoção mediática artificial com uma dimensão raramente vista e a escassa participação verificada (apenas algumas centenas de pessoas no conjunto do País). Isto traduz um claro distanciamento e rejeição pelos trabalhadores e o povo português desta acção e das suas intenções obscuras.

Redução de 3,5% confirma que é possível baixar os custos da electricidade

Redução de 3,5% confirma que é possível baixar os custos da electricidade

A privatização da EDP e da REN, a liberalização dos preços, a par da introdução de complexos mecanismos ditos de compensação que asseguram superlucros às empresas electroprodutoras, assim como, o agravamento do IVA de 6% para 23% sobre a electricidade levado a cabo pelo anterior Governo PSD/CDS, traduziram-se num agravamento brutal dos custos da energia eléctrica, dos mais elevados na Europa, penalizadores das condições de vida do povo português e da competitividade da economia nacional.

Divulgação do primeiro candidato da lista da CDU ao Parlamento Europeu

Divulgação do primeiro candidato da lista da CDU ao Parlamento Europeu

A Coligação Democrática Unitária torna público que João Ferreira será o seu primeiro candidato às Eleições para o Parlamento Europeu a realizar em 26 de Maio próximo.

João Ferreira, biólogo, é actualmente deputado no Parlamento Europeu, sendo vice-presidente da Assembleia Parlamentar Paritária África, Caraíbas e Pacífico – União Europeia. João Ferreira é membro do Comité Central do PCP e vereador da Câmara Municipal de Lisboa.

«A defesa da soberania nacional é indissociável do avanço no caminho da emancipação social dos trabalhadores e dos povos»

«A defesa da soberania nacional é indissociável do avanço no caminho da emancipação social dos trabalhadores e dos povos»

Prezados amigos, estimados camaradas,

A integração de Portugal na União Europeia e no Euro é, desde há décadas, um elemento de suporte da política realizada por sucessivos governos, que influenciou decisiva e crescentemente a estruturação e a acção do Estado em variados domínios. A evolução do processo de integração limitou fortemente a soberania e a independência nacionais, tendo um impacto profundo na economia e na sociedade portuguesas.

Ver vídeo
Portugal e a União Europeia – Romper dependências, defender a soberania, construir uma outra Europa

Portugal e a União Europeia – Romper dependências, defender a soberania, construir uma outra Europa

Gostaria de agradecer a todos os convidados que acederam ao nosso convite para partilhar connosco valiosas contribuições para a reflexão e proposta do PCP.

Esta reflexão e a mobilização de vontades para abrir novos caminhos para Portugal e para a Europa é tão mais importante, quando o quadro geral é o de uma crescente e quase absoluta insustentabilidade da situação provocada pelo processo de integração capitalista da União Europeia e pelas políticas e matriz ideológica que o caracterizam.

Ver vídeo
«É possível um novo rumo, alternativo, que consolide direitos, melhore as condições de vida dos trabalhadores e do povo»

«É possível um novo rumo, alternativo, que consolide direitos, melhore as condições de vida dos trabalhadores e do povo»

Uma forte e fraterna saudação a todos os delegados e convidados presentes nesta IX Assembleia, fazendo votos para que, a partir das conclusões que aqui assumis, da nova Direcção que foi eleita e da força e confiança que resultam deste importante momento para a vida e para a intervenção do Partido na região do Algarve, possam continuar a intensificar a luta dos trabalhadores e das populações algarvias, por uma vida melhor, por uma região e um Portugal com futuro.

Sobre a luta em desenvolvimento pelos direitos dos trabalhadores

Sobre a luta em desenvolvimento pelos direitos dos trabalhadores

Texto integral da resposta enviada ao «Expresso» subscrita por Francisco Lopes, membro do Secretariado e da Comissão Política do Comité Central. A utilização parcial por parte deste semanário do conjunto da avaliação do PCP às lutas em curso, às suas razões, objectivos, dinâmicas e formas de luta suscita que com vantagem o seu conteúdo seja integralmente conhecido.