Intervenção de Jerónimo de Sousa, Secretário-Geral, Jantar CDU

«As pessoas conhecem o nosso trabalho e a nossa intervenção»

«As pessoas conhecem o nosso trabalho e a nossa intervenção»

[excerto]

A obra da CDU está à vista. Na infraestruturação do concelho e na sua posterior manutenção em padrões de qualidade elevados. Na construção de equipamentos culturais e desportivos, associados a uma programação para serem usufruídos pela populações, dos mais jovens aos mais idosos.

Na valorização do serviço público, garantindo que serviços essenciais à vida das populações se mantenham na gestão pública. No estímulo e apoio à fixação de pequenas empresas, dando uma contribuição para o desenvolvimento económico e para o emprego.

Assegurando uma gestão financeira que, apesar da política de asfixia financeira imposta ao Poder Local, garante satisfazer na hora dos compromissos, pagar sem atraso aos fornecedores, a começar pelas pequenas empresas locais, e que é uma garantia para um novo mandato, com mais obra e realização.

Uma gestão financeira rigorosa que permitiu neste mandato reduzir em mais de 20% o valor do IMI. É bom que aqui se diga que a maioria das autarquias da CDU assumem a taxa mínima, dando assim uma contribuição para aliviar os encargos das famílias com a habitação. Uma atitude que corresponde ao que o PCP se tem batido, e já alcançou, parcialmente, ao ver aprovada no Orçamento de Estado de 2016 a sua proposta de redução da taxa máxima de 0.5 para 0.45. Continuaremos a bater-nos pela fixação da taxa máxima em 0.4, garantindo que em vários municípios se desonere os encargos pagos pelas famílias com este imposto.

Como já aqui Carlos Coutinho deu conta, a CDU dará novos e maiores passos nesta caminhada coerente e ininterrupta de progresso e desenvolvimento locais. Com requalificação da imagem urbana e do espaço público, com a recuperação dos centros históricos de Benavente e Samora, novos investimentos na Barrosa e Santo Estêvão, com novos projectos aproveitando o Quadro Comunitário de Apoio.

Não é só a população de Benavente que sabe que tem a CDU a seu lado na promoção das suas condições de vida e na defesa dos seus direitos. Os trabalhadores da autarquia também o sabem. Porque tiveram sempre a seu lado os eleitos da CDU nas muitas lutas que travaram contra a liquidação dos seus direitos. Porque sabem que foi a CDU que garantiu que o horário de trabalho não tivesse aumentado para as 40 horas, e que viram já garantida a devolução do direito aos 25 dias de férias.

Não há serviço público sem trabalhadores para exercer essas funções. É por isso de grande valor que aqui, em Benavente, se tenha já contratado mais de 80 novos trabalhadores, com vínculo permanente, invertendo as consequências que resultaram do impedimento de contratação de trabalhadores e da obrigatoriedade da sua redução, imposta pelo anterior governo.

Enquanto outros falam, quase sempre não sabendo do que falam, a CDU defende e valoriza os trabalhadores e os seus direitos.

Há por aí quem, à falta de propostas e conhecimento local, se reduza a repetir que há CDU a mais e que é muito tempo de CDU.

O trabalho, a honestidade e a competência nunca são de mais. E se há algo que faz falta, é a CDU e o seu reforço. Os mandatos que realmente contam para realizar obra e dar solução aos problemas. O apoio que é confiado à CDU é aquele que tem garantias de ser respeitado, e que não irá parar a mãos de interesses de terceiros.

Mais votos e mais mandatos à CDU são a garantia de que o trabalho anda para a frente, a garantia de não ficar sujeito aos que estão no Poder Local para atrapalhar ou impedir quem quer fazer obra e servir as populações.

O Poder Local não é um espaço para lutas mesquinhas, é um espaço de realização, onde as populações sabem que encontram na CDU quem está sempre disponível para exercer as sua responsabilidades, contribuir para construir soluções e acolher o contributo de todos os que seriamente querem trabalhar.

É por isso que nesta fase final do mandato, aqui em Benavente e em todo o País, podemos afirmar de rosto levantado: cumprimos. As pessoas conhecem o nosso trabalho e a nossa intervenção. Conhecem o valor que tem a presença da CDU em cada freguesia e município. Conhecem o apoio que aqui encontram para cada luta que travam em defesa dos seus direitos. Sabem o valor acrescido que daí resulta se essa presença for ainda mais forte. Como vai ser no próximo Domingo.

Confiança é a palavra certa na campanha da CDU. Confiança das pessoas em nós pelo reconhecimento face à nossa acção. Confiança que o nosso trabalho e intervenção nos garantem. Confiança que vamos avançar, porque o nosso avanço é caminho em frente nos interesses das populações e do País.

>
  • Poder Local e Regiões Autónomas
  • Central
  • CDU
  • Eleições Autárquicas 2017

Partilhar