Votode Pesar N.º 327/XIII/2.ª

Pelo falecimento de José Alberto Pires

José Alberto Pires faleceu no passado dia 4 de Junho, aos 92 anos de idade.

Foi técnico e desenhador de máquinas, funcionário da Junta de Emigração e posteriormente funcionário parlamentar – entre Maio de 1955 e Fevereiro de 1993 –, tendo sido responsável pela criação do Núcleo de Relações Públicas e posteriormente Chefe de Divisão das Relações Públicas desde 1971 até à sua aposentação em 1993.
Envolveu-se na campanha presidencial de Humberto Delgado, altura em que considerava ter-se definido politicamente contra o regime.

Na sequência do seu posicionamento e de contactos com a Ala Liberal, foi sujeito a inquérito disciplinar.

Integrou o gabinete de Sá Carneiro durante os dois meses de duração do primeiro Governo provisório, tendo depois disso regressado às suas funções como funcionário parlamentar.

Em Dezembro de 1974 aderiu ao PCP, naquilo que considerou ter sido “um passo natural”.

Foi membro da Comissão de Trabalhadores da Assembleia da República e era reconhecido pelo rigor e exigência que colocava no seu trabalho mas também pela sua afabilidade, gozando de enorme prestígio entre deputados e trabalhadores da Assembleia da República.

Prestou apoio ao Grupo Parlamentar do PCP desde que se aposentou até aos seus últimos dias de vida, tendo nos últimos anos assumido responsabilidades na divulgação das intervenções parlamentares na página do PCP na internet.

A Assembleia da República, reunida em Sessão Plenária, expressa o seu pesar pelo falecimento de José Alberto Pires e endereça à sua família e ao PCP as suas condolências.

Assembleia da República, 8 de junho de 2017

>
  • PCP
  • Assembleia da República
  • Votos

Partilhar