Nota do Secretariado do Comité Central do PCP

O PCP e o Referendo na Venezuela

A confirmação de Hugo Chavez como Presidente da República Bolivariana da Venezuela, segundo o resultado oficial preliminar do referendo anunciado pelo Conselho Nacional Eleitoral, constitui uma grande vitória das forças patrióticas e progressistas venezuelanas que o PCP felicita e saúda com profunda alegria e espírito solidário. O facto de o referendo ter sido extraordinariamente participado e de se ter realizado em condições de grande serenidade e transparência democrática sublinha ainda mais o significado político desta grande demonstração de apoio popular ao processo democrático de que Hugo Chavez é o protagonista mais destacado.

Neste momento de grande júbilo para todos quantos na Venezuela, na América Latina e no mundo se batem pelo progresso social, contra o imperialismo, e por um mundo mais livre e mais justo, o PCP saúda fraternalmente os trabalhadores e o povo venezuelanos, o Partido Comunista da Venezuela, o Movimento V República e todas as forças empenhadas na defesa da soberania, no aprofundamento da democracia e no progresso social deste país.

O PCP alerta contra quaisquer tentativas, da reacção interna ou do imperialismo, para pôr em causa os resultados do referendo e desestabilizar a Venezuela com o objectivo de recuperar privilégios, nomeadamente o do controlo do petróleo, e restaurar o poder de uma oligarquia corrupta enfeudada aos interesses dos EUA.

O PCP, confirmando a posição solidária que a presença na Venezuela de um membro do seu Comité Central traduz, deseja aos trabalhadores e ao povo venezuelanos os melhores sucessos na sua intervenção e luta pela consolidação e avanço do processo revolucionário bolivariano

>
  • Central
  • Declarações e Comunicados do PCP
  • América Latina
  • Hugo Chávez
  • Venezuela

Partilhar