Partido Comunista Português
Situação de trabalhadores emigrantes portugueses - Intervenção de Ilda Figueiredo no PE
Domingo, 11 Junho 2006

Na sequência da denúncia de ilegalidades cometidas contra trabalhadores portugueses em diversos Estados-Membros da União Europeia, no passado dia 4 de Junho participei, conjuntamente com outros deputados deste Parlamento Europeu, em Arendonk, na Bélgica, numa zona de fronteira com a Holanda, numa reunião com trabalhadores portugueses naqueles dois países, que relataram diversos problemas e discriminações, designadamente por agências de trabalho temporário e de trabalho sazonal, com destaque para as estufas de flores, na Holanda, e a agricultura, designadamente apanha de morangos, na Bélgica.

Assim, solicito, Senhor Presidente, que, mais uma vez, se insista junto da Comissão e dos Governos dos dois Estados-membros na necessária fiscalização e intervenção para garantir a igualdade de direitos, respeitar a legislação, designadamente as directivas sobre informação e registo dos trabalhadores, e combater as discriminações que se continuam a verificar.