Partido Comunista Português
Governo maltrata as comunidades portuguesas - Nota da Direcção da Organização na Emigração do PCP
Terça, 03 Setembro 2002

O início do ano escolar nas comunidades portuguesas não podia começar da pior maneira.

Atraso na colocação de professores e as tentativas de alteração às regras de atribuição de subsídios de instalação, estão a impedir o recomeço do novo ano escolar.

No exacto momento em que o 1.º Ministro na África do Sul afirma que as comunidades portuguesas podem contar com ele a prática do seu Governo desmente estas afirmações.

Precisamente a África do Sul encontra-se entre os países onde o início do ano escolar está perturbado pela incompetência e pela visão economicista do Governo PSD/PP.

O PCP exige medidas urgentes que reponham a normalidade no recomeço do ano escolar, reafirma que uma verdadeira política de defesa nacional tem de ter como um dos eixos fundamentais o apoio ás comunidades portuguesas e considera que é tempo do PSD e do PP substituírem o marketing por medidas concretas que respondam aos anseios da nossa diáspora e ao interesse de Portugal.