Declaração escrita de João Ferreira no Parlamento Europeu

Acelerar o ritmo da inovação no domínio das energias limpas

O sentido da mudança tecnológica – seus pressupostos e consequências - não é dissociável do contexto económico e social em que essa mudança se opera. Se quisermos, da formação sócio-económica vigente.
Num sector energético liberalizado (e por isso mesmo tendencialmente concentrado), dominado desde a produção à distribuição e consumo pelos interesses de grandes grupos, actuando em regime de oligopólio, os pressupostos, os volumes, as opções e os resultados dos investimentos na inovação serão seguramente distintos dos que se poderão obter num quadro, que defendemos, de controlo público, democrático, sobre este sector estratégico.
Será neste quadro que os desafios da sustentabilidade e da inovação poderão ser melhor abordados, assegurando a prevalência do interesse público e salvaguardando o futuro do planeta e dos seus recursos.
Despejar milhões de um qualquer futuro Programa-Quadro de Investigação nas multinacionais do sector, a pretexto do apoio à investigação e desenvolvimento (como de certa forma já sucede com o Horizonte 2020), não nos aproximará de tal desiderato, bem pelo contrário.

>
  • União Europeia
  • Declarações Escritas
  • Parlamento Europeu

Partilhar